Embu das Artes (SP): como ir e o que fazer neste lugar que respira arte!

Está por São Paulo e quer fazer um passeio diferente? Lá vai uma dica de ouro: Embu das Artes, que fica a 31 Km da capital paulistana. Em uma hora de viagem de carro você chega ao destino e passa um dia todo respirando cultura, arte, gastronomia. Neste post vou falar tudo que há pra fazer por lá! Acompanhe a gente também no Instagram, onde você pode receber várias dicas de viagem e conhecer paisagens incríveis! É só clicar AQUI!

embu das artes

Como Ir

Saindo de São Paulo, a melhor maneira é ir de carro. Você vai pela rodovia Régis Bittencourt (BR 116). Para chegar nela você pode utilizar a Marginal Pinheiros. Tem um pedágio no caminho (2,10 reais). Se quiser ir de metrô/ônibus, você precisa ir para a estação Campo Limpo, da linha 5 – Lilás (Capão Redondo – Santo Amaro) do metrô, de lá sai o ônibus intermunicipal com o letreiro (Embu Centro) que vai até o centro de Embu das Artes. E se preferir um ônibus, vá até a Avenida Cruzeiro do Sul, ao lado da Rodoviária do Tietê, de onde sai o ônibus executivo (Embu/Engenho Velho). Outra opção ainda é sair de Pinheiros, no Largo da Batata, aí você pega o ônibus da companhia Soamin (EMTU/SP) com o letreiro (Embu Engenho Velho). Se estiver em grupo, melhor alugar um carro pelo conforto e também se você tiver em mente fazer compras por lá! Precisa alugar carro? É só clicar AQUI!

embu das artes

Artes

A vocação das artes na cidade teve início lá pelos anos 30 quando Cássio M’ Boy de Embu ganhou o Primeiro Grande Prêmio na Exposição Internacional de Artes Técnicas, em Paris. Ele foi professor de artistas de renome como Tarsila do Amaral, Oswald de Andrade, Alfredo Volpi, entre outros. Outra figura que também muito contribuiu para a vocação das artes na cidade foi o ceramista Sakai de Embu, que ganhou fama internacional.

embu das artes

A projeção internacional deste destino veio em 1964, quando aconteceu o 1º Salão das Artes. Era final dos anos 60 e a cidade passou a ser pólo de atração para hippies que expõem os seus trabalhos de artesanato nos finais de semana, dando origem à Feira de Artes e Artesanato, que existe até hoje.

Horário da Feira

A feira funciona aos sábados e domingos, das 9h às 16h. As principais ruas do centro histórico ficam fechadas para carros, deixando livre os visitantes que querem ver as lojas, artesanatos expostos nas feiras, e aproveitar o espaço com a família. A feira tem tradição, já são mais de 50 anos de existência. Lá você vai encontrar de tudo: quadros, tecidos, objetos de antiguidades, estofados, móveis rústicos (pra quem tá montando casa é uma baita oportunidade), além de comidinhas em barracas e ótimos restaurantes.

embu das artes

O que visitar

Anote aí pontos turísticos para visitar: Museu da Arte Sacra dos Jesuítas (8 reais a inteira e 4 a meia-entrada, funciona de terça a domingo), Museu do Índio (entrada gratuita), Memorial Sakai, Largo 21 de abril (onde tem exposições de quadros), Casa do artesão, Centro Cultural ( em frente ao Largo 21 de abril) e Igreja Nossa Senhora do Rosário. No geral, fica tudo bem perto e dá pra fazer a maioria a pé. Precisa reservar hotel? Dê um clique AQUI e programe sua viagem!

embu das artes

Gastronomia

A gastronomia da cidade é um capítulo à parte. Não deixa nada a desejar a cidade alguma, tem cozinha nacional e internacional e opções pra todo tipo de bolso e paladar. São muitos bares, restaurantes, além das barraquinhas de rua que pode ser também uma opção de lanche ou até almoço. Visitei o Empório São Pedro, que fica na ciela mais charmosa de Embu.

Empório São Pedro

Na viela das Lavadeiras, você sobe alguns degraus e vai ver o restaurante do lado esquerdo, bem junto onde fica um cantor (Giovani Mesquita) no melhor estilo voz e violão e com repertório excelente. O Empório São Pedro  tem capacidade para 50 lugares, mesas individuais e comunitária (aquela que você divide com outras pessoas numa boa). O restaurante também funciona como antiquário, portanto, vale a pena enquanto o prato é preparado observar as peças em exposição.

emporio sao pedro embu das artes

O restaurante tem 25 anos de tradiçao, funciona de quarta a domingo e também nos feriados. O horário é das 11h30 às 17h. Se quiser garantir uma mesa é bom fazer a reserva que vale entre 11h30 e meio-dia, após este horário é por ordem de chegada, e chega a formar fila ok? Quem assina o menu é o chef Guilherme Manuel, de São Paulo.

Cardápio

O couvert da casa vem com pães caseiros, caponatta, salada assada, tomate assado, alichella, manteiga aromatizada e alho confit. São várias as opções de entrada mas não deixe de provar a porção de croquete de costela desfiada servida com vinagrete do Empório. É uma de-lí-cia! Entre as opções de pratos principais estão: paleta de cordeiro assada (servida com polenta cremosa e molho do próprio assado); filet mignon grelhado (vem com gateau de batatas e molho de duas mostardas e crispy de cebola); polpetone recheado com mussarela (servido com tagliarine e molho de tomate fresco); raviole de batata doce (vem com molho de cogumelos do campo), etc.

emporio sao pedro embu das artes

De sobremesa, minha sugestão é o Ovos nevados, com creme inglês, sorvete de canela e amêndoas. Dá pra duas pessoas numa boa. Tem ainda pudim, creme brullê de chocolate amargo com um toque de flor de sal e o tiramisu clássico. O ambiente é super agradável e ótimo para casal ou família.

Ajuda Noix

Viu como a gente te ajudou a planejar este passeio? Então chegou a hora de você ajudar a gente também! Faça suas reservas pelo nosso site, acessando os links no Tudo Para Sua Viagem você não paga mais nada por isso e colabora para que a gente receba uma pequena comissão, o que nos ajuda a manter o site com dicas sempre muito sinceras!

Compartilhe