Abricó: como ir à praia de naturismo mais famosa do Rio

Neste post vamos falar sobre como ir à praia do Abricó, localizada no Recreio dos Bandeirantes, e que é a mais famosa de nudismo no Rio de Janeiro. É a única área urbana na cidade onde o nudismo é permitido por lei.  Não é uma praia grande ok? Tem apenas 250 metros de extensão, sendo frequentada por homens, mulheres, jovens, idosos e crianças (poucas). Acompanhe  gente também no Instagram, onde você pode receber várias dicas de viagem e conhecer paisagens incríveis! É só clicar AQUI!

Como chegar

Vamos começar falando sobre como chegar lá. Não é das tarefas mais simples, mas nada impossível. Para quem está na área mais frequentada pelos turistas do Rio como Ipanema e Copacabana é preciso ir de metrô até a estação Jardim Oceânico. De lá, teria a opção de pegar um ônibus até o Recreio Shopping, mas depois precisaria ir de transporte de App até a entrada da praia. Então, fazendo as contas Busão + Trasnporte de App não compensa. Melhor ir do metrô direto de Uber, por exemplo. Custa em média R$ 30 reais o techo ( a depender do horário chega a R$ 40 ou R$ 45).

Pelas trilhas você pode observar vários mirantes

Acesso

Chegando na entrada da Praia do Abricó, basta descer uma escadaria que vai até a areia de um trecho da praia onde há bares e algumas pessoas ficam ali curtindo o mar. Este local ainda não é de nudismo ok? Indo pra sua esquerda, existem algumas pedras bem grandes, é por ela o acesso à área de nudismo. Nos dias de semana, algumas pessoas ficam com roupas de banho numa boa e outras desnudas. Mas nos finais de semana costuma ter fiscais que solicitam quem estiver vestido tirar a roupa.

Na área de nudismo existe apenas um bar e algumas pessoas circulam vendendo água mas não conte muito com isso. Melhor mesmo se não for consumir no bar é levar seu lanche e água na mochila. Também não existe aluguel de cadeiras e guarda-sol na praia, por isso se quiser usá-los leve de casa.

Finais de Semana

Nos finais de semana do verão (sábados, domingos e feriados), quando há muito movimento, a estrada que leva à praia do Abricó é interditada para circulação de veículos entre 9h e 15h horas. Vale lembrar que por ser uma área de naturismo tenha cuidado com suas fotografias para não expor outras pessoas que estão frequentando o local. Faça fotos suas sem que ninguém sem seu consentimento apareça ok?

Entrada da praia, mas ainda não é o espaço naturista

Rola sexo na praia? Rola sim! É comum casais gays principalmente curtirem ali uma aventura ao ar livre. Claro que isso acontece mais próximo das áreas de pedras ou trilhas. Na parte da areia da praia é menos comum, mas ainda assim final de tarde acontece. E todo mundo encara numa boa sem estresse, seja participando ou assistindo.

Vale lembrar que a praia não é das mais tranquilas pra banho ok? Existem sinalizações e guarda vidas nos dias de maior movimento. Procure se banhar onde houver mais gente e não vá pra o fundo, pois o mar é daqueles que puxa muito.

E pra voltar?

Para pegar transporte de volta, é preciso ter paciência. Sinal de celular por lá pega quando quer mas pelo que vi o da TIM é o melhor. Na saída da escadaria você vai encontrar alguns motoristas oferecendo o transfer como Uber ou Táxi, mas cobram muuuito caro: tipo R$ 80 reais pra voltar à orla. Vale a pena dividir o Uber mas pedindo sempre pelo App. Se na saída da praia seu celular não der sinal, caminhe no sentido orla da cidade por alguns minutinhos e em alguns pontos eles vão recebendo sinal com mais facilidade. Também neste horário de final de tarde e começo de noite os mosquitos começam a atacar, leve repelente.

Temos uma reportagem bem bacana sobre hospedagem no Rio de Janeiro. É só clicar AQUI!

Compartilhe