Listamos alguns passeios imperdíveis no Rio de Janeiro!

Claro que quem vai ao Rio de Janeiro pela primeira vez já pensa na subida ao Cristo Redentor não é mesmo? Mas e além dele o que tem pra fazer? Listamos 5 passeios imperdíveis na cidade maravilhosa. Vamos nessa? Acompanhe a gente também no Instagram, onde você pode receber várias dicas de viagem e conhecer paisagens incríveis! É só clicar AQUI!

Nova logo do Parque Bondinho do Pão de Açúcar pode ser vista no desembarque da estação

Bondinho

Você sabia que o bondinho, agora chamado de Parque do Bondinho Pão de Açúcar, recebe cerca de 1,6 milhão de visitantes por ano? É realmente um atrativo imperdível. E olha só: o espaço passou por uma reformulação e conceito, oferecendo muito mais infra e bem estar ao visitante.

O trecho inicial do teleférico liga a Praia Vermelha ao Morro da Urca (528m de extensão e 227m de altura). O segundo trecho (750m extensão e 396m de altura) faz a conexão até o Pão de Açúcar. No primeiro desembarque, o visitante chega à Praça dos Bondes, onde estão expostos bondinhos de gerações anteriores (1912 e 1972).

No segundo desembarque, o Bondinho Pão de Açúcar oferece uma vista ainda mais deslumbrante do Rio, sendo possível observar diversas praias como Copacabana, Botafogo, Flamengo, e ainda Pedra da Gávea, Corcovado, com a imagem do Cristo Redentor, e a Baía de Guanabara.

O espaço passou a ter diversas áreas de entretenimento e convivência fazendo o visitante gastar muito mais tempo na visita

O espaço passou a contar com restaurantes, quiosques e lojas, além de espaços musicais e até shows de grandes nomes da MPB, que acontecem num anfiteatro. O parque tem todo um espaço de convivência deixando o turista sem pressa nenhuma de ir embora. Conta com bosque para observação espécies nativas de Mata Atlântica e um museu com informações de toda a história do Bondinho, desde sua criação passando pelos engenheiros envolvidos na construção, equipamentos utilizados, etc.

O Morro da Urca tem muitos espaços pra observação e, claro, fotografias; nesta o jornalista Fabiano Antunes usa roupas C&A

Serviço: O Parque Bondinho do Pão de Açúcar fica na Avenida Pasteur, 520, Urca. Horário: todos os dias (9h às 21h). Entrada até as 20h. Preços: Bilhete Bondinho: R$ 120 (adultos) e R$ 60 (meia entrada). Bilhete Carioca Maravilha: 50% de desconto no ingresso para moradores do Rio e Grande Rio, mediante comprovante de residência. Crianças até 5 anos não pagam. Bilhete Acesso Rápido: R$220 (adultos) e R$110 (meia entrada). Bilhete Tour Bastidores: R$178 (adultos) e R$89 (meia entrada). Bilhete Tour Histórico: R$178 (adultos) e R$89 (meia entrada). Bilhete Tour Ecológico: R$224 (adultos) e R$112 (meia entrada).

Muita gente sobe e espera o espetáculo que é o pôr do sol lá de cima

BioParque

Esqueça tudo que você conhece sobre o antigo zoológico do Rio de Janeiro. O espaço passou por uma reformulação de conceito e deixou de ser um simples zoo para se apresentar aos visitantes como um parque destinado ao bem-estar dos animais, à educação ambiental e à pesquisa sobre as espécies, promovendo inclusive a recuperação de animais que estejam machucados, etc. Com o novo conceito, saem de cena as grades e as jaulas e aumenta o espaço dos bichos.

Lá, você consegue entrar em espaços enormes onde estão muitas aves como araras e elas sobrevoam bem próximo dos visitantes. É a mesma proposta do Parque das Aves de Foz do Iguaçu, no Paraná. Entre os animais que chamam mais atenção estão leão, tigre, pelicano, e muito mais. Tem ainda museu, parque infantil, fazendinha pra criançada interagir com animais como cabras, vacas e galinhas.

E em vários pontos existem banheiros, restaurantes e quiosques para compra de lanches, bebidas como água, refri e água de coco. Está super bem estruturado e dá até pra fazer um passeio de barquinho por um canal para observação de animais. Claro que no final deste tour, o visitante precisa passar por dentro das lojinhas com souvenirs temáticos do parque como chaveiros, camisetas, bonés, e animais de pelúcia (muitos dos que lá foram vistos pelos visitantes. Tudo no melhor estilo Disney de ser.

Serviço: o antigo Jardim Zoológico do Rio de Janeiro foi o mais antigo do Brasil, com mais de 80 anos de história. Está todo renovado (do visual ao conceito) e vale muito a pena visitar, sendo um passeio pra toda família. Localizado no Parque da Quinta da Boa Vista, está aberto todos os dias, de 9h às 17h, com última entrada às 16h. O ingresso avulso BioParque custa R$ 40 (inteira). Algumas atrações são pagas à parte como por exemplo o passeio o barquinho da foto abaixo.

Aquário

Este é o maior aquário marinho da América do Sul. São mais de dois mil anfitriões esperando nossa visita. O Aquário Marinho do Rio de Janeiro tem 26 mil m² de área construída e 4,5 milhões de litros d’água. Lá também existe a opção de visitar o Museu de Cera, pago à parte. No salão de entrada você já encontra alguns exemplares pra fotos.

Por lá os visitantes vão encontrar de peixinhos tipo Nemo, passando por cavalo marinho e até raias e tubarões. São 350 espécies do Brasil e do mundo. O espaço é enorme e você pode percorrer sem pressa pra apreciar tudo. Tem espaços até com arquibancada pra você ficar ali relaxando vendo os animais. Para a criançada tem ainda teatro educativo, lojinhas com produtos temáticos do aquário e muito mais! Reserve pelo menos 2 horas pra ver tudo.

O túnel é o espaço mais concorrido porque você fica envolto dos animais, tanto bicho que a gente não sabe pra onde olha. Lindo de ver! E uma dica pra quem quer ganhar tempo e também economizar: o Aquário fica junto da Roda Gigante e do Boulevart onde estão expostos os trabalhos do artista Kobra. Então já programe tudo isso numa tacada só e se quiser ampliar o leque inclua o Museu do Amanhã nesse tour porque fica ali junto também. E não esqueça que os grandes atrativos do Rio tem a opção de compras em combo (compra de ingressos para mais de um atrativo), em que vc pode economizar.

O Aquário funciona nos dias de semana, das 9h às 17h (último horário de entrada às 16h). Nos finais de Semana e feriados, vai das 9h às 18h (último horário de entrada às 17h). Ingressos custam R$ 70 (individual), R$ 55 (residentes do RJ) e meia R$ 35 ( estudantes e idosos acima de 60 anos), Família (2 adultos e 2 crianças) pagam R$ 199 e as que tiverem 2 adultos e 1 criança pagam R$ 165.  

Roda Gigante

A Roda Gigante é outro atrativo turístico bem bacana do Rio. São 88 metros de altura o equivalente a estar em cima de 29 elefantes. São ao todo 54 cabines, com capacidade para 8 pessoas cada, portanto 432 pessoas podem estar dando a volta simultaneamente. O circuito dura 20 minutos e você pode dar quantas voltas quiser, desde que a cada uma delas volte para o final da fila.

Lá do alto, você pode curtir pontos turísticos incríveis como o Pão de Açúcar, o Cristo Redentor, o Relógio da Central do Brasil, a Baia de Guanabara, a Ponte Rio-Niterói, a Cidade do Samba, o Morro da Providência, o Museu do Amanhã e muito mais! O espaço conta com um café e lanchonete climatizada (no Rio isso é um deleite!), que fica na saída do parque. Ela possui um deck com vista para a plataforma de embarque e desembarque, com livre acesso pelo mesmo portão utilizado para saída. Na mesma área se encontra a Star Shop, nossa lojinha de souvenir, que também possui acesso liberado.

Se tiver Go Pro não esqueça de levar, ela garante fotos incríveis por causa da excelente angulação: esta é a Go Pro Black 9

Existe a possibilidade de estar numa cabine exclusiva para todas as famílias e grupos de amigos, respeitando a capacidade máxima de 8 pessoas por cabine. Lembrando que, para maior conforto dos visitantes, a equipe de embarque é responsável por determinar o número de pessoas por cabine de acordo com a necessidade da operação diária.

A Roda Gigante funciona todos os dias, incluindo finais de semana e feriados das 10h às 18h, na Av. Rodrigues Alves, 455, Santo Cristo – Centro. Bem juntinho do AquaRio (que falamos acima), portanto dá numa boa pra ganhar tempo agendando ambos pra o mesmo dia. Custa R$ 70 e R$ 35 (para morador da cidade, mediante comprovante). Para os que vão de carro, há convênio com o estacionamento do Aqwa Corporate (prédio grande espelhado) que fica a aproximadamente 100 metros do parque. Endereço: Rua Rivadávia Correa, 299 – Tishman Speyer. A diária custa R$20,00.

Boulevard Olímpico

A Orla Prefeito Luiz Paulo Conde, popularmente conhecida como Boulevard Olímpico, é um calçadão localizado na área central da cidade, às margens da Baía de Guanabara. Com cerca de 3,5 km de extensão e 287 mil m² de área, estende-se pelos seguintes bairros do Centro, Gamboa e Saúde. Já adianto que é uma região muito grande e por isso aparenta sempre estar com pouco movimento, o que traz um sentimento de insegurança. Portanto, cuide-se! Evite mostrar celular ou câmera (faça as fotos de forma rápida e cuidadosa) e se puder vá com amigos.

Por lá também estão o Museu de Arte do Rio, o Museu do Amanhã (que falo abaixo) e as Praças Mauá e XV. Muitos chegam por meio do VLT que é o Veículo Leve sobre Trilhos. Dá pra sair do Boulevard e seguir direto pro Museu do Amanhã, que é outra atração imperdível!  

Museu do Amanhã

O Museu do Amanhã simplesmente in-crí-vel! Ganhador de diversos prêmios internacionais, traz ao visitante um  ambiente de ideias, explorações e perguntas sobre a época de grandes mudanças em que vivemos e os diferentes caminhos que se abrem para o futuro. Leva-nos a refletir sobre como estamos cuidando do meio ambiente e como será o Amanhã.

A beleza deste atrativo turístico está à vista já quando o visitante chega ao local. A arquitetura é uma lindeza à parte, projetada pelo arquiteto espanhol Santiago Calatrava. o espelho d´água em volta vale a pena para fotos, mesmo se você não for entrar no Museu. Lá dentro, diversas exposições e equipamentos que usam e abusam da tecnologia para que a interação seja a maior possível. Uma das exposições em cartaz, inaugurada há pouco e que vai até junho, levanta o tema Amazônia.

Desviamos o curso de grandes rios, alteramos florestas, influenciamos a atmosfera, transformamos o clima. Habitamos um planeta que vem sendo profundamente modificado por nossas ações. Que amanhãs serão gerados a partir de nossas próprias escolhas? Essa é a reflexão proposta a quem chega ao museu.

O Museu do Amanhã oferece uma narrativa sobre como poderemos viver e moldar os próximos 50 anos. Uma jornada rumo a futuros possíveis, a partir de grandes perguntas que a Humanidade sempre se fez. De onde viemos? Quem somos? Onde estamos? Para onde vamos? Como queremos ir? As projeções levam além de lindas imagens dados sobre desmatamento, emissão de carbono, etc.

Orientado pelos valores éticos da Sustentabilidade e da Convivência, essenciais para a nossa civilização, o Museu busca também promover a inovação, divulgar os avanços da ciência e publicar os sinais vitais do planeta. Um museu para ampliar nosso conhecimento e transformar nosso modo de pensar e agir.

Primeira experiência da Exposição Principal do Museu do Amanhã, Cosmos aborda a visão que somos feitos da mesma matéria que as estrelas, nos conectamos com o Universo e as nossas origens. Aqui o visitante já começa a lidar com as perguntas que guiarão seu percurso. Como chegamos até aqui?

Dentro de um domo, o visitante é imerso numa projeção em 360 graus, percorrendo galáxias, o coração dos átomos e o interior do Sol. Assiste à formação da Terra, ao desenvolvimento da vida e do pensamento, manifestado pela arte. A ideia é que o visitante possa experimentar dimensões da nossa existência natural que não estamos acostumados a vivenciar sem recorrer a instrumentos científicos. Do micro ao macro, das magnitudes astronômicas às escalas subatômicas. É linda essa projeção. O visitante pode assistir sentado ou deitado na sala, mas não é permitido filmar nem fotografar. Normalmente há fila de espera. Por vez entram cerca de 90 pessoas e a projeção tem duração de dez minutos.

Trata-se de uma experiência sensorial, poética, motivadora, que nos apresenta o Cosmos como uma totalidade evolutiva, que em muito nos ultrapassa, nos abrange e nos constitui. Em seguida ao domo, na área chamada Horizontes Cósmicos, é possível aprofundar conhecimentos com o auxílio de seis telas interativas.

O Museu do Amanhã fica ao lado da Praça Mauá, na zona portuária. Os ingressos custam R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia), crianças até 5 anos não pagam. Funciona das 10h às 17h.
Vale lembrar que alguns passeios do Rio têm limitação de acesso por dia ainda devido à pandemia, portanto é recomendável comprar ingresso com antecedência para garantir seu lugar. E muitos dos atrativos oferecem combos, o que deixa o valor dos ingressos mais barato se você já efetuar a compra de dois ou mais atrativos numa só vez. Para este tour, o jornalista Fabiano Antunes contou com o apoio do Rio Convention e Visitors Bureau, em parceria com o Parque do Bondinho Pão de Açúcar, a Liga de Guias, e a JW Transportes

 

Compartilhe