Como ir ao Beco do Batman em São Paulo

Sabia que as grafitagens do Beco do Batman , no coração da Vila Madalena, em São Paulo, estão de cara nova? Pois é, depois de alguns meses com todas as paredes em preto por causa do protesto contra o assassinato de um artista negro, o beco voltou a ter o colorido em seu visual. E é uma parede mais bacana que a outra! Neste post vou mostrar como chegar lá e o que se vê.  Acompanhe  gente também no Instagram, onde você pode receber várias dicas de viagem e conhecer paisagens incríveis! É só clicar AQUI!

 

Como ir

O Beco do Batman é um dos principais pontos turísticos da cidade, suas ruas e vielas atraem gente de todo lugar. Os grafites ficam concentrados em pequenas ruas onde não há passagem de carros, apenas pedestres.  Dá pra chegar lá de metrô, mas é preciso fazer uma caminhada.

Metrô

Você pode descer na estação Vila Madalena (Linha Verde) ou Fradique Coutinho (Linha Amarela) que são as mais próximas, cerca de 1,5 km. Dá uns 15 a 20 minutos de caminhada dependendo do seu ritmo. Do metrô Vila Madalena até lá é só descida então aconselho ir por este caminho. Pra voltar, pegue o metrô Fradique Coutinho, pois o caminho será mais plano (cansa menos). Se estiver com mais gente aí vale a pena pegar um Uber. Da Av. Paulista até lá custa em média 15 reais.

O Rota 1976 veste C&A

Quando Ir

O Beco do Batman é uma área pública e pode ser visitado a qualquer horário e dia da semana. Mas para quem quer tirar boas fotos e conhecer tranquilamente o local, o melhor é ir pela manhã, em dias úteis da semana. É bem calmo e você vai poder fotografar o lugar com bem menos gente. Nos finais de semana, aí o beco fica cheio. Se quiser agito essa é a melhor opção. Tem feirinha na rua e um zigzag sem fim de gente fazendo foto e azarando também. Em alguns painéis as pessoas chegam a fazer fila para fotografar. E nos finais de semana, costuma funcionar uma feirinha de artesanatos, o que “atrapalha” o visú pra quem vai com objetivo de fotografar.

Para fazer fotos por lá, vale muito levar sua Go Pro (pra captar com amplidão já que é um espaço estreito)

Origem

O Beco do Batman é uma referência para o grafite em São Paulo, há mais de 40 anos. Dizem que o nome surgiu na década de 80, quando da noite pro dia surgiu em uma de suas paredes o desenho do super herói que dá nome ao beco. Daí em diante, os artistas foram ocupando os espaços e apresentado sua arte urbana. O lugar era abandonado e a partir dessa invasão artística mudou completamente. Hoje, tem vida boêmia, com diversos bares e restaurantes, lojas de produtos diferenciados para decoração, e muito mais! Ótimo para passar uma manhã e almoçar por lá mesmo.

Pandemia

É um lugar aberto, dá tranquilamente para você circular sem fazer aglomeração, mas lembre-se de usar máscara. Por lá, encontrei muita gente circulando sem ela, o que não é recomendado neste momento. Os estabelecimentos e até ambulantes oferecem álcool em gel e procuram trabalhar dentro dos protocolos, o que falta é consciência mesmo de parte dos visitantes.

*So tirei a máscara na hora das fotos e por não estar próximo de ninguém. Usei (para algumas fotos) Go Pro Hero 9 e vesti C&A

Compartilhe