Jazz Burguer Jardins: um charme a primeira filial da hamburgueria

Você gosta de hambúrguer e música? Então precisa conhecer o Jazz Burguer, nos Jardins. O estabelecimento é um charme e chama atenção pela ambientação, sabor e atendimento. Neste post vou contar tudo sobre ele. Vamos lá?

JAZZ BURGUER

Pra começar, o restaurante não abre do entardecer da sexta-feira até o entardecer do sábado, nem vende carne de porco ou bebida alcoólica. Isso porque o dono, o chef André Berti, é da igreja Adventista do Sétimo Dia. E por que o restaurante vem dando tão certo mesmo com essas “limitações”? Pelo atendimento, ambientação aconchegante e criativa, e, principalmente, pelo sabor da comida.

JAZZ BURGUER

Para os que não conseguem deixar de lado a velha e boa “gelada”, um alento: a casa dispõe de cerveja e chope sem álcool! O chef André Berti é um empreendedor nato. Ele concluiu graduação,  juntou o dinheiro que tinha e investiu em um curso de francês, partindo em seguida para Paris. Lá, trabalhou em diversos restaurantes e adquiriu conhecimento em várias áreas da culinária. De volta ao Brasil, fez pós-graduações e montou o negócio.

O Hambúrguer

O carro chefe da casa, claro que não poderia ser outro: é o hambúrguer. O Jazz Burguer chega a vender mais de 20 mil deles por mês. São dez opções. Entre elas, o Jhon Coltrane (200g de carne bovina, manteiga de ervas, queijo mozarela, tomate, mix de folhas, no pão com gergelim); e o Bacon Burguer (dois hambúrgueres de 150g de carne bovina, moída com 20% de bacon bovino, cheddar e cebola marinada no aceto balsâmico, pão com gergelim).

JAZZ BURGUER

Para quem é adepto a uma alimentação mais natural, não há com que se preocupar. São 5 os sabores de burgers veganos, desenvolvidos especialmente pelo chef André Berti, que já foi adepto do vegetarianismo e entende muito bem o paladar apurado dessa clientela.

JAZZ BURGUER

O estabelecimento é todo ambientado com instrumentos musicais, materiais retrô, objetos colhidos em ferro velho e caçambas de materiais jogados fora e que o dono foi buscando e aproveitou de forma super criativa. André Berti foi o idealizador e executor da ambientação, inclusive ele mesmo colocou a mão na massa e fez as mesas e cadeiras onde sentam os clientes. O cara é multi! Fez de tudo pra que a casa funcione e fosse um sucesso.  O Jazz Burguer, nos Jardins, tem capacidade para atender 264 pessoas sentadas.

JAZZ BURGUER

Formado em gastronomia pela faculdade Anhembi Morumbi, ele é um empreendedor nato, e afirma “tenho a cabeça nas nuvens e os pés no chão”. Daí, a experiência estar dando tão certo. A unidade matriz é no bairro Vila Mariana, que já soma mais de 5 anos. A unidade dos Jardins tem um ano. Uma novidade é que a casa começará a funcionar também com serviço de delivery, já a partir de junho.

Música ao Vivo

Ah, além de todas essas delícias que chegam à mesa, ainda tem uma outra delícia que chega aos ouvidos: o jazz! A casa tem apresentação todos os dias das 20h às 23h, com couvert de R$ 6,00 por pessoa. Confraternização, aniversário, festa da empresa…os salões do restaurante são bem espaçosos e é um ótimo espaço para isso. Inclusive a casa pode fechar algum dos espaços para eventos. Fica a dica!

JAZZ BURGUER

Serviço:

JAZZ BURGER

Unidades:

Ana Rosa – Rua Vergueiro, 2080 – Vila Mariana

Jardins – Alameda Itú, 1548 – Jardins

Horários de Funcionamento:

Segunda a Quinta

Almoço: das 11h30 às 15h

Jantar: das 17h às 23h

Sexta

Almoço: das 11h30 às 15h

Jantar: não abrimos

Sábado

Almoço: não abrimos

Jantar: das 19h às 00h

Domingo

Das 12h às 23h

Compartilhe