Noronha comemora a Semana do Meio Ambiente com expedições à Ilha Rata

Para celebrar a Semana Nacional do Meio Ambiente, a administração de Fernando de Noronha, através da Superintendência de Meio Ambiente do arquipélago, e em parceria com o Instituto Chico Mendes da Biodiversidade (ICMBio), fará expedições diárias à ilha Rata com colaboradores de vários segmentos e também com a comunidade. As expedições começam nesta segunda-feira e vão durar até sexta, com pessoas que trabalham em diversos setores como Vigilância Sanitária e Ambiental, saúde, Polícia Militar, guias turísticos, taxistas, aeronáutica, Celpe e estudantes da Escola Arquipélago. Acompanhe  gente também no Instagram, onde você pode receber várias dicas de viagem e conhecer paisagens incríveis! É só clicar AQUI!

Todas as fotos deste post foram cedidas pela Assecom da Adm da Ilha / Crédito: Georgia Kyrillos

Quiz

No sábado, a expedição será aberta à comunidade. A escolha será através de um sorteio para quem participar do quiz feito pela rádio FM Noronha, enviando as respostas para o número de WhatsApp da rádio (81-994883168) ou indo até o escritório da Superintendência de Meio Ambiente e responder por escrito até a quarta-feira. 20 pessoas serão selecionadas, por conta da capacidade do barco e em conformidade com os protocolos de saúde de combate à Covid-19. Os selecionados serão divulgados na sexta-feira.

História

A Ilha Rata é a segunda maior do arquipélago de Fernando de Noronha e faz parte do Parque Nacional Marinho (Parnamar). Não é aberta à visitação por ser um santuário de espécies ameaçadas de extinção, a exemplo do caranguejo Gecarcinus lagostoma. Conta a história que lá foi o lugar onde Américo Vespúcio desembarcou quando o arquipélago foi descoberto, em 1503. Na Rata está localizado o farol, que serve para orientar as embarcações à noite. As expedições serão guiadas por Marcos Aurélio, do ICMBio, e pela bióloga e educadora ambiental Fabiane Vilela.

Oceano

Por ser um ambiente insular, a ênfase da Semana do Meio Ambiente será a Década dos Oceanos, com abordagens às questões ligadas à Ilha, sob o tema “Noronha pelos oceanos”. O objetivo é conscientizar ainda mais a população, promovendo a educação ambiental por meio de um assunto tão urgente, que é a proteção dos oceanos.

“Mesmo em um momento de pandemia, não poderíamos deixar passar em branco essa data tão importante, principalmente por Noronha ser um santuário ecológico, com um ecossistema riquíssimo. Poder oferecer essas expedições à ilha Rata, em parceria com o ICMBio, é mostrar um pouco a história do arquipélago e de como é necessário o cuidado em nosso dia a dia para garantir o futuro da melhor forma possível. Sobretudo a responsabilidade com os oceanos, diminuindo ou extinguindo, por exemplo, a utilização de plásticos descartáveis, que têm um impacto muito grande na natureza”, diz Guilherme Rocha, administrador de Fernando de Noronha.

Expedições

Além das expedições, para celebrar a data vão ser feitas várias publicações diárias de textos e vídeos nos meios digitais e de comunicação do distrito, entre os dias 31 de maio e 5 de junho. As publicações ressaltam a importância dos mares, focando em assuntos como pesca, coleta seletiva, Decreto Plástico Zero, tartarugas marinhas, espécies ameaçadas de extinção, entre outros.

“A programação tem como objetivo atrair a atenção de moradores e turistas sobre as questões ambientais locais, sensibilizar as pessoas a refletirem sobre como podemos, todos juntos, contribuir com atitudes e ações para um meio ambiente ecologicamente equilibrado, economicamente sustentável e socialmente justo. Será também uma ótima oportunidade para os moradores de Fernando de Noronha que ainda não conhecem a Ilha Rata”, destaca a superintendente de Meio Ambiente, Mirella Moraes.

 

 

Compartilhe